competencias-comportamentais-Profissional-LIberal

As Competências Comportamentais prioritárias para o Perfil do Profissional Liberal

Atualmente uma das principais exigências do mercado de trabalho é que os profissionais tenham determinadas competências comportamentais, como capacidade de trabalhar em grupo, liderança, dentre outras. Para cada perfil, seja ele profissional liberal ou acadêmico, por exemplo, existem competências que são mais requisitadas para a área de atuação em questão. Um estudo recente conduzido pela Hay Group concluiu que 9 entre 10 empregadores acreditam que as competências comportamentais serão cada vez mais importantes no mercado de trabalho. Veja a pesquisa.

 

As competências comportamentais enquanto diferencial no mercado de trabalho

Apesar da relevância e importância das competências comportamentais, muitos jovens chegam ao mercado de trabalho completamente despreparados nessas competências. Já não é suficiente mais focar somente no conhecimento técnico, sem complementá-lo com as chamadas “soft-skills”.

As “soft-skills” são uma combinação de habilidades interpessoais e sociais que garantem uma maior realização pessoal e profissional.  A capacidade de trabalhar bem com os outros, comunicar-se de maneira clara e resolver problemas são alguns exemplos dessas competências que diferenciam profissionais no mercado de trabalho.

Por isso, o primeiro passo é entender quais são as competências comportamentais mais valorizadas para o seu perfil profissional. Nessa série de posts iremos detalhar quais são as “soft-skills” mais valorizadas para cinco diferentes tipos de perfis profissionais: Organizacional, Empreendedor, Acadêmico, Profissional Liberal e Setor Público.

No caso do Perfil do Profissional Liberal listamos aqui as 7 principais competências comportamentais que o mercado está buscando:

1. Negociação

A negociação é uma importante competência comportamental, pois é a capacidade de influenciar e persuadir pessoas, procurando atingir metas e objetivos previamente estabelecidos, requisito muito buscado por grandes corporações em seus funcionários. Além de demonstrar controle emocional e fazer uso da argumentação, quem possui essa habilidade também consegue se expressar de forma clara e direta.

2. Adaptabilidade e Flexibilidade

Adaptar-se com facilidade a novas situações, mostrar-se interessado e disponível às novas e diferentes maneiras de realização de uma atividade ou projeto, assim como assumir novas responsabilidades de forma proativa são características buscados em profissionais liberais. É importante que o profissional liberal mantenha também a atitude positiva e resiliente mesmo diante de incertezas, prazos apertados e pressão, transmitindo segurança e tranquilidade às pessoas durante processos de mudança.

3. Criatividade e Inovação

Profissionais criativos e inovadores são aqueles que buscam constantemente a melhor forma de realizar suas atividades e está sempre atento a novas tendências para propor ideias inovadoras no ambiente de trabalho. Além disso, domina ferramentas práticas de inovação, sendo capaz de empregá-las para estimular não apenas a sua criatividade, como também a de terceiros.

4. Comunicação Assertiva

É  a capacidade de transmitir ideias e informações de forma clara para indivíduos ou grupos, utilizando-se de diversos meios para ajudá-los a compreender e reter sua mensagem e, consequentemente, promover o engajamento do público.

5. Autodesenvolvimento e Autogestão

Essas são competências comportamentais de profissionais que se mantêm motivado e é proativo, busca sempre treinamentos e capacitações por iniciativa própria para se desenvolver como pessoa e como profissional. Além disso, possui disciplina e comprometimento com sua função, sabe como se planejar e consegue administrar bem o tempo, gerenciando a si mesmo sempre em prol de um objetivo/resultado.

6. Relacionamento Interpessoal

Por meio da autopercepção, auto-conscientização e autoaceitação, essa é uma competência comportamental daqueles que possuem consciência de suas qualidades, deficiências e limitações, sendo capaz de compreender e controlar seu comportamento em diversas situações. Consegue se relacionar e se comunicar de forma adequada com pessoas de diferentes tipos de personalidades. Além disso, demonstra empatia e sabe o momento e a forma correta de se dar e receber feedback.

7. Resiliência

A resiliência é a habilidade de voltar ao estado normal e original após lidar com mudanças significativas ou situações repentinas adversas no ambiente em que está inserido, sendo capaz de realizar as tarefas de forma eficaz.

Uma vez conhecidas essas competências comportamentais é importante entender em quais delas você precisa se desenvolver e como fazer isso. Para isso é recomendável um diagnóstico dos seus “gaps” de competência.

Metodologia da CMOV

Através de uma metodologia consagrada é realizada desde a ajuda na definição da meta de carreira até o passo a passo para chegar ao seu objetivo profissional. Caso queira se aprofundar mais nesse tema, recomendamos realizar o teste de carreira da Cmov, onde você poderá conhecer o seu grau de aderência aos 5 perfis profissionais, quais são seus”gaps” de competências comportamentais e ainda ter sugestões de ações de desenvolvimento. Segue o link: http://www.cmov.com.br/teste-de-carreira

Você pode gostar também

Newsletter

Novidades para sua carreira!

Receba novos artigos e fique informado das novidades.

Teste Grátis

Descubra em qual estágio de carreira você está.

Populares