Carreira

Quer mudar de emprego? 5 passos para conquistar o seu objetivo

mudar de carreira - dicas para transição de carreira

mudar de carreira - dicas para transição de carreira

Em um passado não muito distante, mudar de emprego já foi considerado um tabu. Com o tempo, os profissionais abandonaram raízes em busca de experiências. Essa tendência no mercado fez com que recrutadores também passassem a valorizar candidatos com trajetórias multidisciplinares para ocupar novos postos.

Por isso, hoje é tão importante falarmos sobre carreira e não apenas em profissão.

A partir desse critério, conseguimos ampliar o nosso olhar sobre os diversos caminhos que podemos seguir. Assim, aquele curso da faculdade nunca servirá para limitar a sua trajetória a apenas uma profissão. Muito pelo contrário, a sua formação passa a ser composta por um conjunto de aprendizados que fazem uma enorme diferença no mercado de trabalho.

Se você já perdeu noites de sono pensando se deve mesmo mudar de emprego ou carreira — saiba que não está sozinho.

Continue lendo , pois este post traz dicas fundamentais para esta transição.

Antes de mudar de emprego, pare para pensar nisto

Sabemos que nem sempre dar esse passo depende apenas de vontade. Ela é apenas o fator que aguça a mudança.

Alguns pontos precisam ser considerados, incluindo barreiras pessoais que devem ser vencidas para não atrasar a busca por uma oportunidade melhor de trabalho.

Por essa razão, existe uma palavra que não pode sair do seu dicionário: autoconhecimento. Antes de traçar um plano, é preciso:

  • avaliar seus pontos fortes e fracos,
  • saber como você tem lidado com eles até o momento
  • entender como vai fazer de agora em diante.

Vamos utilizar o exemplo de uma pessoa que já tem um objetivo de carreira. O cenário para a sua mudança depende de organização e ela está longe de ser uma pessoa organizada. Então esta é a primeira habilidade a ser trabalhada.

Dessa forma, aqui fica um desafio: que tal fazer uma listinha das coisas que precisa melhorar para colocar o seu plano em prática?

5 passos para seguir quando o seu objetivo é mudar de emprego

Para facilitar essa etapa de transição — seja de área ou simplesmente de empresa, aqui vão 5 passos importantes para você seguir.

1. Busque qualificação

Conheça as competências necessárias para conquistar o cargo que almeja. Depois, corra atrás das qualificações que precisa desenvolver. Seguindo essa lógica, não esqueça de prestar atenção tanto nas competências comportamentais quanto técnicas.

Você viu que pode demorar um pouco porque precisa do trabalho atual para custear cursos de qualificação? Então por mais que a ansiedade possa bater a sua porta, lembre-se que agora você já tem um propósito e está caminhando para conquistá-lo.

Aproveite este tempo para desenvolver o seu networking e até mesmo buscar formas de complementar a renda. A internet está aí para ajudar e além de uma gama de cursos gratuitos, também facilita o acesso às vagas de trabalho remoto.

2. Considere o salário

Sabemos que não existe nada melhor do que trabalhar com algo que amamos, mas ainda assim a maioria dos mortais precisa se preocupar em pagar contas.

Por isso, considere o salário do novo emprego e veja se está alinhado com as suas expectativas e necessidades.

Veja se você tem chances de crescimento na nova função e até mesmo se existe alguma outra forma de complementar a renda até conseguir aumentar a remuneração.

3. Esteja certo dos seus propósitos

Essa é uma resposta que você deve ter na ponta da língua.

Você quer liderar uma equipe? Você liga para status ou só pensa em mudar de emprego porque deseja mais qualidade de vida?

Faça todas essas perguntas antes de partir para um novo emprego.

4. Reflita sobre a sua disponibilidade para mudanças

Nem sempre as melhores oportunidades são nossas vizinhas. Elas podem estar em outro estado ou até fora do país.

E aí? Você está preparado para isto?

Se estiver, que ótimo. Caso contrário, não há razão para se cobrar por isso. Apenas entenda que talvez ficar perto da família ou na cidade que nasceu é uma prioridade e você irá encontrar a melhor forma de lidar com isso.

5. Analise as chances de crescimento

mudar de emprego

Outro fator importante a considerar na hora de mudar de emprego é a possibilidade de crescimento dentro da nova empresa.

A busca por melhores oportunidades deve ser contínua e muitas empresas possuem políticas de retenção de talentos. Veja as chances de promoção e de atuar em áreas que garantam um aprendizado constante para que o seu currículo esteja sempre alinhado às exigências do mercado.

Será que chegou a hora de preparar o seu currículo?

Um dos erros mais comuns entre profissionais que estão em processo de transição é preparar o currículo sem refletir realmente sobre a meta de carreira. Por essa razão, seguir os 5 passos citados antes de se candidatar a um novo cargo aumentam as suas chances de sucesso.

Então, lembre-se que distribuir o seu currículo não deve ser o primeiro passo!

Utilizando o Método 6C

Uma das formas utilizadas para auxiliar momentos de transição de carreira é o Método 6C.

Na CMOV, utilizamos essa metodologia com o auxílio de uma plataforma de carreira utilizada para ampliar os resultados. Você pode conhecer melhor aqui.

Para explicar melhor, cada C representa um passo que deve ser seguido, mostrando uma ordem adequada, para conquistar colocação no mercado de trabalho. Vamos dar uma olhadinha em cada um deles?

C1 – Carreira

Em primeiro lugar, por meio de um teste de Perfil Profissional, você recebe ajuda para definir sua meta de carreira. Aquilo que estará fazendo profissionalmente dentro dos próximos 3 a 5 anos.

“Quando se sabe onde quer chegar, fica muito mais fácil alcançar um objetivo”

C2 – Competência

Sendo assim, de acordo com o seu Perfil Profissional, identificamos quais são as competências comportamentais prioritárias para o mercado de trabalho. Depois, realizamos uma avaliação para indicar quais delas você precisa melhorar ou desenvolver.

C3 – Capacitação

Na plataforma da CMOV você tem um Plano de Desenvolvimento Personalizado que faz parte desta etapa. Assim, você pode receber indicações de ações de desenvolvimento para cada gap de competência identificado.

C4 – Currículo

Depois de passar pelos primeiros 3C’s, é o momento de pensar na elaboração do currículo. Afinal, de nada adianta preparar um currículo sem ter em mente a sua meta de carreira, as competências prioritárias e seus gaps.

C5 – Conexão

Como resultado, outro ponto importante na sua trajetória de carreira é se conectar com profissionais que possam te orientar. Construindo um bom networking você facilita o acesso ao mercado de trabalho e entra em contato com pessoas que podem apresentar caminhos e possibilidades para a sua carreira.

C6 – Comunicação

E então chegamos ao último passo da metodologia. Aqui, é a hora de colocar à prova tudo o que você aprendeu durante o processo. No sexto C, o de Comunicação, você aprende a dominar as principais técnicas para se dar bem em um processo seletivo.

Ficou interessado em saber mais sobre a plataforma de carreira da CMOV? Aproveite e acesse para conhecer!

Leia também

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Não vá ainda :)

Conheça em primeira mão os nossos artigos sobre carreira, mercado de trabalho e sucesso profissional! 
EU QUERO
Ao continuar, você está concordando com a nossa política de privacidade
close-link