O que explica a baixa qualidade nos currículos?

38.900.000: esse é o resultado que você encontra ao digitar a palavra “currículo” no Google. Se você pesquisar por “dicas de currículo”, o resultado cai para 7.580.000. Percebe-se então que não é por falta de conteúdo que, teoricamente, os jovens não saberão como fazer um bom currículo. No entanto, se conversarmos com a área de RH da maioria das empresas, ouviremos que é muito baixa a qualidade dos currículos recebidos durante os processos seletivos.

Num primeiro momento, pode-se atribuir essa baixa qualidade dos currículos somente à falta de experiência dos candidatos. Contudo, se pudermos olhar essa questão numa perspectiva um pouco mais profunda iremos perceber que a problemática do currículo não está ligada somente à questão da experiência, e sim a um passo anterior que é a escolha e definição do caminho de carreira a seguir. Definir seu objetivo de carreira e saber como entrar no mercado de trabalho são as grandes angústias dos jovens.

E no cenário social e econômico que existe no Brasil, onde a maioria dos jovens não tem acesso a uma boa educação formal, essa questão se agrava. Segundo pesquisa realizada pelo Nube, 50% das pessoas que se formaram entre 2019 e 2020 não conseguiram trabalho.

No entanto, o que há em comum entre os jovens que tiveram ou não acesso a uma educação formal de qualidade é a grande angústia na escolha do caminho de carreira seguir. Além disso, outro desafio: como fazer para entrar no mercado de trabalho.

É exatamente neste ponto que voltamos à questão da baixa qualidade dos currículos e dificuldade dos jovens em elaborá-lo. O currículo tem como objetivo contar de uma forma clara uma história que contenha a posição que a pessoa almeja e o que ela fez para estar preparado para a vaga. Não saber ou ter muitas dúvidas do que fazer profissionalmente impede que essa história possa ser contada e, consequentemente, de um currículo ser elaborado de uma maneira correta.

Autoconhecimento e pesquisa

Talvez aqui tenha ficado um pouco mais claro o porquê definir um objetivo de carreira é tão importante. Contudo, o que é um objetivo de carreira e como defini-lo, afinal?

O objetivo de carreira representa a posição que o jovem deseja estar ocupando daqui a 3 anos. E essa posição pode ser dentro de uma empresa, pode ser empreendendo, ocupando um cargo público, mesmo seguindo uma carreira como acadêmico ou profissional liberal.

Para identificar qual é o objetivo é muito importante o autoconhecimento, pensar sobre o que se gosta de fazer, o que se sente feliz realizando, pesquisar por pessoas que executam atividades que você também gostaria de fazer.

Identificar seu perfil de carreira também pode te ajudar muito nesse caminho de definir um objetivo, porque quando se tem em mente o que deseja fazer, consegue enxergar uma direção e se desenvolver para conquistar este objetivo final. Consegue prever melhor os desafios e também focar nas competências necessárias para alcançar a posição desejada.

Assim, buscar o autoconhecimento e identificar o perfil de carreira não é uma perda de tempo. Muito pelo contrário: faz parte de uma estratégia que vai economizar muito tempo e energia. E é nesse caminho que pesquisas, conversas, projetos e voluntariados ajudarão o jovem a ser mais assertivo no seu caminho de carreira.

Imagine, por exemplo, um jovem em que suas reais motivações o levem para um perfil de carreira que seja de servidor público, mas ele insiste em fazer programas de estágio e trainee. É possível ser aprovado? Difícil, mas é possível. Entretanto, esse caminho pode ser muito longo e doloroso, porque ele estaria insistindo numa direção que não representa verdadeiramente o que o motiva e o que deseja fazer. Esse exemplo se enquadraria a qualquer perfil de carreira diferente daquele que realmente nos identificamos, seja ele empreendedor, profissional liberal, acadêmico ou organizacional.

Ou seja, o primeiro passo para se fazer um bom currículo é ter claro seu objetivo de carreira. Quando sabemos onde queremos chegar, podemos contar no currículo uma história coerente que mostre o que fizemos e estamos fazendo para chegar lá.

Publicado originalmente na Revista HSM Management, coluna de Laura Fuks e Sabina Augras. Acesse aqui.

Você pode gostar também

Newsletter

Novidades para sua carreira!

Receba novos artigos e fique informado das novidades.

Teste Grátis

Descubra em qual estágio de carreira você está.

Populares